domingo, 12 de outubro de 2008

Lágrimas nos olhos, refugado aos molhos

E após alguns anos a cozinhar as minhas próprias refeições, cheguei a uma verdade inequívoca: não confies numa cebola que não te faça chorar... sim, foram anos, mas por fim cheguei lá. Cara cebola sem carácter, podes enganar toda a gente durante muito tempo, mas não podes enganar toda a gente o tempo todo.

5 comentários:

_E se eu fosse puta...Tu lias?_ disse...

Sarava!


vamos descascando a cebola....


beijinhos

z a i d a disse...

ainda hj descasquei uma com efeito retardado...

Paulo disse...

já nem nas cebolas se pode confiar ;)

nuvem disse...

Andei por aqui a ler os teus textos e gostei muito deste espaço.

Escrita de qualidade, boa disposição e muita criatividade, são ingredientes perfeitos, a meu ver.

Parabéns

Paulo disse...

epa, que é isto aqui no meu queixo?...ups...alguém me empresta um guardanapo? :)

Olá Nuvem, Obrigado pelas palavras. Boa disposição e criatividade não me faltam, já agora a qualidade... tem dias