terça-feira, 13 de janeiro de 2009

hoje não Jorge

- Hmmmm, sabias que este bocadinho atrás da tua orelha, sabe a morangos com chantilly?
- Pára Jorge! Estou cansada e amanhã tenho que me levantar cedo.
- Adoro quando fazes essa cara. Pareces um quadro do Monet. Daqueles que nos fazem um rubor assomar á face fria, aquecendo o corpo todo.
- Já te disse, hoje não!
- Mas eu amo-te como mais nenhum homem te amou!Nem o próprio Amor te ama como eu te amo!
- Sim, pois, conta-me outra.
- Tu és a chuva, eu sou a terra. Tu és ar, eu sou fogo. Tu és estrume, eu sou terra.... ups!esquece esta última...
- Parvo! (sorri)
- Que queres, a inspiração é tanta que transborda e foge.Estou bebado de paixão. De paixão por ti e por esta orelhinha qual taça suculenta..hmmm
- sim, suculenta e?
- e os teus olhos enormes são dois poços de águas claras onde brinca a luz da manhã. O teu rosto é o mais bonito dos monumentos à beleza..
- ohh Jorge...
- a tua boca é como uma tamara.. não, como uma pera.. espera, também não..
- Que é que tem a minha boca?!
- a tua boca.. a tua boca.. agora não me lembro.. vamos passar a boca
- Tá a ficar tarde Jorge, vou dormir.
- Mas querida, o teu pescoço? Eu tremo .. é suave como as pétalas do jardim do éden.. é
- É tarde Jorge.
- Sim, envelhecemos. O tempo urge. Esse surdo-mudo que nos leva ás costas. Fujamos como dois espiritos entrelaçados. Com os sentidos ligados nas velas insufladas pelo respirar do nosso amor.
- ohh, que se lixe. Anda cá que enlouqueço..
- Os corpos, as carnes, a epiderme. Juntos. Colados. União visceral. dois corações se beijando..
- Oh jorge cala-te e beija-me
- Eu beijo-te e.. E JÁ SEI!!!!!!!!
- sabes o que Jorge?
- A tua boca é como um punhado de amoras apanhadas na neve das estepes!!A tua boca é como amoras acabadas de apanhar nas brancas e gélidas neves das estepes!
- OH JORGE!!!!! pelo amor de Deus, que se f........ as estepes, mas por favor f....-me!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

17 comentários:

Sanxeri disse...

Demasiado romantismo dá nisto. A-D-O-R-E-I!

Há horas em que o amor pode ser posto de lado, e nesses momentos vem a paixão à superfície. :)

Sayuri disse...

LOLOLOL

Canto Definido disse...

lolllll

z a i d a disse...

é mesmo caso para dizer: "cala-te e f#d§!!"
;)

Anónimo disse...

Já me ri com vontade...o que nem seria fácil a avaliar pela forma como o dia hoje começou! Obrigada.
Vim aqui dar por acaso, li alguns dos posts anteriores (não tenho tempo para mais agora) e confesso que fiquei fã... Parabéns à pessoa que a escrita parece revelar!
Eva

Astrid disse...

nada como ter alguém para chamar de seu... e gravitar - estás cada dia melhor ;)

Tita disse...

Só tu para fazer rir!!

raquel disse...

Muito bom...é impossível não deixar escapar um sorriso :)

Metade da Laranja disse...

Ai Senhor!!!
Isso é que foi...essas amoras das estepes...
E a do Monet fez-me lembrar aquela conversa entre a Kate e o Jack do Titanic:
Kate - I can't imagine Monsieur Monet blushing...
Jack - He does landscapes...

:)

Vertigo disse...

;)

Alexandra disse...

Ahahaha!

Depois de ler o primeiro post, há que convir que em certas situações, o tempo urge mesmo!

Piston disse...

Isto funciona? Sempre pensei que fosse meio caminho andado para ganhar um par de patins.

Paulo disse...

Alexandra
o tempo é tramado e um grande aldrabão! Quando é bom, vende-nos a hora ao preço de 10 minutos..

Piston
Pôe em prática e depois diz-me. Mas tem cuidado que há quem engravide pelo ouvido...

Piston disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Piston disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Piston disse...

Vou testar isso imediatamente.

Não fazes ideia o quão romântica foi essa tua resposta.

Paulo disse...

Desculpa, mas não consigo evitar. Mas podes contar à vontade que os meus ouvidos são completamente estéreis.